Você está em: Home >> Notícias >> Ata do Copom constata desaceleração maior e defende arrocho salarial
 
- Procurar Notácias  
 
 
14/06/2012 | Ata do Copom constata desaceleração maior e defende arrocho salarial

A ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central sinaliza mais cortes da taxa básica de juros com “parcimônia”. “Mesmo considerando que a recuperação da atividade vem ocorrendo mais lentamente do que se antecipava, o Copom entende que, dados os efeitos cumulativos e defasados das ações de política implementadas até o momento, qualquer movimento de flexibilização monetária adicional deve ser conduzido com parcimônia”, diz o documento.

Na reunião, a taxa Selic foi reduzida de 9,0% para 8,5% ao ano. Com isso, a taxa básica real de juros diminuiu de 3,3% para 2,8% ao ano, a terceira maior do mundo, atrás de Rússia (4,3%) e China (3,1%). A média real dos juros das 40 maiores economia no mundo continua negativa: -0,5%.

O BC reafirma a desaceleração da economia: “O Copom avalia que a desaceleração da economia brasileira no segundo semestre do ano passado foi maior do que se antecipava, e que a recuperação tem se materializado de forma bastante gradual”.

A ata registra o confisco de recursos do Orçamento para os bancos. “Em relação à política fiscal, considera-se o cumprimento da meta de superávit primário de R$ 139,8 bilhões (cerca de 3,10% do PIB)”. “Além disso, admite-se, como hipótese de trabalho, a geração de superávit primário de R$ 155,9 bilhões (cerca de 3,10% do PIB), sem ajustes, em 2013”.

E mesmo constatando a desaceleração econômica, o BC mantém sua campanha contra o aumento dos salários: “Um risco importante reside na possibilidade de concessão de aumentos de salários incompatíveis com o crescimento da produtividade e suas repercussões negativas sobre a dinâmica da inflação”.

Publicado no Jornal Hora do Povo, edição 3.064

 
Últimas Notícias
 
06/08/2018   -- João Goulart Filho É Aclamado Candidato A Presidente Em Convenção Nacional Do PPL
20/07/2018   -- EDITAL DE CONVOCAÇÃO CONVENÇÃO ESTADUAL
17/04/2018   -- Cientistas Engajados disputarão as eleições em 2018
13/03/2018   -- PPL apresenta candidatura de João Goulart Filho a presidente da República
12/03/2018   -- PPL decide: João Goulart e Léo Alves para Presidência e Vice-Presidência do Brasil
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
20.07.2018
 EDITAL DE CONVOCAÇÃO CONVENÇÃO ESTADUAL.
13.03.2018
 PPL apresenta candidatura de João Goulart Filho a presidente da República.
12.03.2018
 PPL decide: João Goulart e Léo Alves para Presidência e Vice-Presidência do Brasil.
02.02.2018
 Aposentados fazem desfile-protesto contra assalto à Previdência.
02.02.2018
 Gasto com juros foi de R$ 400 bilhões em 2017.
02.02.2018
 Servidores Públicos reforçam convocação de greve geral dia 19.
02.02.2018
 ALERGS não vota o pacote de Sartori.
02.02.2018
 Governo do RS deixa metade dos servidores sem salário.
02.02.2018
 Filho de Jango é lançado presidente em São Borja.
22.01.2018
 Resolução da Executiva Estadual do Partido Pátria Livre – RS.
15.01.2018
 João Vicente Goulart condena “desmoralização” do Ministério do Trabalho.
15.01.2018
 Eleição com Lula é fraude!.
15.01.2018
 Ha-Joon Chang: “O Brasil está experimentando uma das maiores desindustrializações da história da economia”.
27.11.2017
 A vice-presidente do PPL/RS recebe homenagem da ALRS alusiva à Semana da Consciência Negra.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.org.br