Você está em: Home >> Notícias >> Professores federais enviam carta à Dilma reivindicando reabertura das negociações
 
- Procurar Notácias  
 
 
22/08/2012 | Professores federais enviam carta à Dilma reivindicando reabertura das negociações

A greve dos professores continua nas universidades federais. Conforme o Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes-SN), que representa a maior parte da categoria, a indicação pela manutenção da paralisação continua até que o governo apresente novas propostas para a categoria.

Na quinta-feira (16), a entidade protocolou no Palácio do Planalto uma carta dirigida à presidenta Dilma Rousseff pedindo reabertura imediata das negociações. O ANDES informa que 54 universidades ainda estão paradas no país. Na terça, 21, os servidores realizam mais um Dia Nacional de Luta em todo Brasil aprovado pelo Fórum Nacional de Entidades.

Em diversas assembleias os docentes avaliam o fim da paralisação. Na Universidade de Brasília o fim da greve também foi votado, mas sem consenso da decisão. Segundo a assessoria da Associação dos Docentes da UnB (Adunb), o fim da greve foi aprovado por 130 votos a favor e 115 contra, na sexta-feira. Porém a decisão deveria ter sido tomada apenas na assembleia marcada para a terça-feira, 21, afirma a entidade. O comando de greve alega que, como a assembleia foi adiantada sem ampla discussão, o resultado deveria ser anulado.

Dentre os docentes que resolveram voltar ao trabalho estão os da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), de São Carlos (UFSCar), do Rio Grande do Sul (UFRGS) e do Instituto Federal de Educação Profissional e Tecnológica do Paraná (IFPR).

A proposta do governo prevê reajustes que variam entre 25% e 40% para todos, dependendo dos regimes e carga horária, aplicados em três parceladas até 2015. Dentre as entidades nacionais, apenas a Federação de Sindicatos de Professores de Instituições Federais de Ensino Superior (Proifes) aceitou a proposta.

No caso dos técnicos administrativos das universidades, a proposta de reajuste de 15,8% parcelada em 3 anos, foi aceita. 

 

 
Últimas Notícias
 
06/08/2018   -- João Goulart Filho É Aclamado Candidato A Presidente Em Convenção Nacional Do PPL
20/07/2018   -- EDITAL DE CONVOCAÇÃO CONVENÇÃO ESTADUAL
17/04/2018   -- Cientistas Engajados disputarão as eleições em 2018
13/03/2018   -- PPL apresenta candidatura de João Goulart Filho a presidente da República
12/03/2018   -- PPL decide: João Goulart e Léo Alves para Presidência e Vice-Presidência do Brasil
 

 
Voltar


 Comente
 
COMENTÁRIOS:
20.07.2018
 EDITAL DE CONVOCAÇÃO CONVENÇÃO ESTADUAL.
13.03.2018
 PPL apresenta candidatura de João Goulart Filho a presidente da República.
12.03.2018
 PPL decide: João Goulart e Léo Alves para Presidência e Vice-Presidência do Brasil.
02.02.2018
 Aposentados fazem desfile-protesto contra assalto à Previdência.
02.02.2018
 Gasto com juros foi de R$ 400 bilhões em 2017.
02.02.2018
 Servidores Públicos reforçam convocação de greve geral dia 19.
02.02.2018
 ALERGS não vota o pacote de Sartori.
02.02.2018
 Governo do RS deixa metade dos servidores sem salário.
02.02.2018
 Filho de Jango é lançado presidente em São Borja.
22.01.2018
 Resolução da Executiva Estadual do Partido Pátria Livre – RS.
15.01.2018
 João Vicente Goulart condena “desmoralização” do Ministério do Trabalho.
15.01.2018
 Eleição com Lula é fraude!.
15.01.2018
 Ha-Joon Chang: “O Brasil está experimentando uma das maiores desindustrializações da história da economia”.
27.11.2017
 A vice-presidente do PPL/RS recebe homenagem da ALRS alusiva à Semana da Consciência Negra.
[+ Notícias]

Correio Eletrônico: pplrs@pplrs.org.br